Resumão Lollapalooza 2018: Confira os destaques dos 3 dias de festival

0

Já fazem dois dias desde o fim do Lollapalooza 2018, mas nós não poderíamos deixar de fazer aquela retrospectiva de tudo que rolou no festival, não é mesmo?

Foram 3 dias de festival com 72 atrações incríveis que, com certeza, fizeram desta a maior edição de todos os tempos.

SEXTA-FEIRA, DIA 23/04

Pouco mais de 100 mil pessoas frequentaram o Autódromo de Interlagos no primeiro dia de festival.

Foram 25 shows, dentre eles o da nossa rainha sueca Zara Larsson, que trouxe ao palco do evento seus hits e músicas de seu mais recente álbum, “So Good”. O ponto alto da apresentação da jovem foi durante sua homenagem à Marielle Franco durante a música “Symphony”. Relembre o momento no player abaixo.

Além de Zara, o rapper Rincon Sapiência também deixou sua homenagem à ex vereadora, relembrando a importância de lutar e protestar contra a intolerância política e sobre a tragédia de Marielle.

Rincon trouxe ainda IZA para o palco onde cantaram juntos a música “Ginga”, nova parceria entre os dois.

Enquanto a apresentação principal do dia, a banda Red Hot Chilli Peppers, performava no palco Budweiser, Mac DeMarco fazia piadas e fazia um show único no palco Axe para uma multidão de fãs enlouquecidos.

SÁBADO, DIA 24/03

Também com um público de aproximadamente 100 mil pessoas,  o segundo dia de festival teve seus altos e baixos.

Enquanto se apresentavam no palco AXE, Liniker e os Caramelows acabaram passando por uma situação inesperada pois, segundo informações, a aparelhagem de som havia dado problema durante a performance de “Zero” e infelizmente o show precisou terminar ali.

View this post on Instagram

Eu canto por causa disso. Eu escolhi cantar pra poder trocar amor e carinho de alguma forma com as pessoas. Pra poder humanizar mais os encontros e poder olhar nos olhos, poder chorar sem sentir vergonha. Ontem eu me senti muito abraçada e acolhida por vocês nesse momento. Meu choro foi de eterna satisfação, foi choro de vitoriosa, choro de quem chega num estado de glória tão grande que feio seria não botar pra fora o que me bateu ali. Questões técnicas acontecem, nós realmente não esperávamos, esse show foi pensando, ensaiado, sonhado e a gente deu o que a gente tinha, juntando quem a gente queria e deu nisso. Obrigada a vocês, fãs, não fãs, simpatias em geral. Esse choro foi por amor a vocês. Um beijão grandão de gratidão pra minha equipe, um beijo de amor na nossa banda @linikereoscaramelows que é tanto comigo e eu com vocês Obrigada minhas amigas que sabem o tamanho da importância que esse dia teve pra mim e me segurando, me olharam nos olhos e disseram que estavam ali, cantando e sendo comigo @tassiareis_ e @linndaquebrada Obrigada por terem me deixado ainda mais linda e cremosa @isaacsilvabrand no look, @adivagreen no hair, @damatamakeup na beleza. ❤️❤️❤️ Só amor.

A post shared by Liniker (@linikeroficial) on

Nosso cristal ficou claramente abalada e triste com a situação, assim como o público que a aclamava enquanto se despedia.

Um pouco mais tarde, Mano Brown promoveu um verdadeiro baile soul à lá época de nossos pais para o palco do Lolla juntamente com a galera do Boogie Naipe.

Temos ainda que destacar um dos maiores shows da noite, representado pela galera do Imagine Dragons.

A impressão que tivemos é de que o festival inteiro parou para assistir e ouvir os caras que fizeram um showzão da porra!

Dan Reynolds, vocalista do grupo, não hesitou em fazer a galera pirar com seus discursos de amor ao nosso país, interagindo a todo momento com o público e até mesmo indo até a plateia para sentir a vibe de seus fãs.

DOMINGO, DIA 25/03

O último dia de Lolla não ficou pra trás no quesito público, também contando com a presença de 100 mil pessoas prestigiando o festival e seus artistas.

Mahmundi abriu os shows no palco Axe e levou aos presentes toda a sua graça e talento. A cantora, assim como Zara Larsson e Rincon Sapiência no dia 23, homenageou Marielle Franco dedicando uma de suas músicas para a ex vereadora.

Os meninos do The Neighbourhood também fizeram bonito em seu primeiríssimo e tão aguardado show no Brasil. Uma legião de pessoas parou no Palco Budweiser para prestigiar e cantar os hits da banda que prometeu voltar ao país em breve.

A jovem intérprete de “Conqueror”, Aurora, também mostrou toda a sua graciosidade ao público durante seus 60 minutos de apresentação que animaram e emocionaram o público.

Lana del Rey, conseguiu emocionar e surpreender o público mudando de última hora seu setlist, incluindo nele a música “Get Free”,  faixa acusada de plágio pela banda Radiohead, e deixando de lado “Off To The Races”.

About Author

Idealizador, criador e redator-chefe do site. Pisciano de 22 anos, estudante de Publicidade e Direito (sim, duas graduações ao mesmo tempo) que faz o possível para manter e atualizar este portal.

Comments are closed.